Gestão de leitos hospitalares

Logo na primeira semana em que o coronavirus contaminou as primeiras pessoas em Juiz de Fora, o Secretário Romulo Veiga entrou em contato com nosso CEO para solicitar ajuda em algumas frentes. Depois de algumas reuniões ficou decidido que iríamos auxiliar em duas frentes: gestão de ocupação leitos e garantia de acesso à recursos por famílias em situação de vulnerabilidade.

O mais emergencial era o acompanhamento da ocupação dos leitos hospitalares, pois seria ali o melhor lugar para acompanhar o crescimento da pandemia na cidade e por onde o poder público iria tomar suas decisões, e o nosso CEO, Tiago Gouvêa, foi quem ficou por conta deste projeto.

Informações do desenvolvimento

  • 42

    Horas de trabalho
  • 0

    Meses até a entrega
  • 12

    Commits realizados

Tecnologia

Frente a urgência em se implementar algo concreto, foi optado por utilizar uma mistura de Google Script, Google Forms, Google Sheets e Google Data Studio para se alcançar o resultado desejado.

Todos os hospitais da cidade então informam diariamente suas informações tais como: leitos ocupados em enfermaria, leitos ocupados de UTI, leitos ocupados com pacientes COVID, casos suspeitos, casos confirmados, equipe médica total, equipe médica em quarentena, óbitos suspeitos, dentre outros.

Estas informações são validadas e consolidadas em um datasource para fornecer dados a um dashboard feito com Google Data Studio, com intensa participação do Secretário Romulo Veiga.

Tecnologias utilizadas

O resultado final é um sistema simples, que utiliza ferramentas e tecnologias já disponíveis com pouco código, porém que trás um grande benefício para a prefeitura e a secretaria de saúde.